Home > Notícia

Notícia

Foto da notícia

Livro conta história de menino autista que usou o BRT para interagir

Rio de Janeiro, 3 de Junho de 2019.

Até os 10 anos, Bento não falava. Portador de uma forma grave de autismo, o menino tinha muitas dificuldades para interagir socialmente. O pai, separado da mãe, não conseguia lidar com a falta de comunicação do filho e as visitas ao garoto eram cada vez mais espaçadas. Até que a mãe, Ângela, deu um ultimato: “A gente é separado, mas o filho continua sendo teu”. O pai acordou. Precisava se reaproximar do menino. Mas como? Com pouco dinheiro e quase nenhuma desenvoltura para fazer programas com Bento, entrou em um BRT e ficou dando voltas pela cidade. Aos poucos, o relacionamento era retomado. Da Barra a Santa Cruz, de Sulacap ao Riocentro, da Penha a Curicica. Hoje, com 16 anos, Bento consegue listar todas as estações sem errar e a relação de afeto entre pai e filho se fortaleceu enquanto passavam pelos corredores expressos do sistema.


A história de Bento e de outras 31 crianças que frequentam o Ambulatório da Psiquiatria Infantil da Santa Casa, no Rio de Janeiro, referência no país, estão no livro ‘O Menino Que Nunca Sorriu’, que será lançado nesta segunda-feira, dia 3, na Livraria da Travessa, no Leblon. O livro reúne as histórias mais marcantes que o renomado psiquiatra infantil Fabio Barbirato e sua mulher, a também psiquiatra Gabriela Dias, presenciaram nos últimos 20 anos. São crianças e adolescentes portadores de autismo, ansiedade, depressão, hiperatividade e outros transtornos que, através de suas famílias, buscaram tratamento no ambulatório da Santa Casa e encontraram, além da ajuda profissional, o caminho para superação e muito amor.


O livro foi escrito em parceria com o jornalista e dramaturgo Gustavo Pinheiro, que passou dois anos frequentando o setor de psiquiatria infantil. “Nosso objetivo é que os transtornos mentais saiam da sombra do preconceito e do estigma e ganhem a luz do esclarecimento. Quanto mais falarmos, mais vidas serão salvas”, diz Fabio Barbirato.

COMPARTILHE: Google+