fbpx

Carta do BRT Rio ao Procon sobre o acesso gratuito de pessoas com necessidades especiais ao serviço especial Rock in Rio

O BRT Rio esclarece que desde o início do Rock in Rio, na sexta-feira, o acesso de pessoas com deficiência tem sido realizado de forma gratuita sem nenhum embaraço. O sistema conta com equipamentos de acessibilidade, como elevadores, rampas, assentos preferências etc, em todo o trajeto: terminal Alvorada, nos ônibus articulados e na estação Rock in Rio. Eles também estão presentes em todo o BRT Rio. Segue, abaixo, integra da carta que o Consórcio BRT encaminhou ao Procon por conta de denúncias improcedentes divulgadas nesta quinta-feira:


À
Secretária de Estado de Proteção e Defesa do Consumidor
Prezada Srª,

Queremos manifestar nossa surpresa ao constatar que o Procon Estadual está divulgando nota para a imprensa informando que está apurando supostas denúncias de que “os ônibus do consórcio BRT que fazem o trajeto entre o Terminal Alvorada e a Cidade do Rock durante o Rock in Rio não estão garantindo a gratuidade na passagem para os portadores de deficiência”. Afinal, a confirmação da denúncia deveria preceder a sua divulgação.

A nota informa também que a autarquia “determinou que a gratuidade seja concedida imediatamente”. Cabe-nos informar que a medida é desnecessária, uma vez que o Consórcio BRT já assim procede desde o início do evento. O acesso de pessoas com deficiência tem sido realizado de forma gratuita sem nenhum embaraço. O BRT conta com equipamentos de acessibilidade, como elevadores, rampas, assentos preferências, etc., em todo o trajeto, desde o terminal Alvorada até a estação Rock in Rio, além dos próprios veículos.

Convidamos o Procon RJ a constatar nos próprios locais os procedimentos adotados e, com base na transparência e reciprocidade, solicitamos o obséquio de corrigir a informação divulgada.

Share in
your Networks: