fbpx

BRT é opção de transporte para passageiros que querem curtir carnaval carioca

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Estações e terminais do BRT com nomes que celebram figuras marcantes do samba deixam passageiros próximos de redutos históricos do ritmo e outros espaços culturais com programação carnavalesca

Ao longo dos seus 39 quilômetros de extensão, o corredor Transcarioca do BRT homenageia um ritmo que faz parte da identidade cultural do carioca e da cidade do Rio de Janeiro: o samba. Terminais e estações do apelidado “Corredor do Samba” levam o nome de bambas e são paradas obrigatórias para quem quer curtir ensaios e desfiles de escola de samba, feijoadas e pular nos blocos de rua no carnaval e nos dias que antecedem a folia.

O transporte público é a melhor opção para curtir o carnaval com mais segurança e chegar com rapidez à festa.  Quem quiser aproveitar a programação carnavalesca (blocos de rua, ensaios e feijoadas em escolas de samba) nas zonas Norte e Oeste pode usar o BRT e desembarcar nos terminais Paulo da Portela (Madureira) e Aroldo Melodia (Fundão), além das Estações Manaceia, Tanque, Campinho, Cardoso de Moraes e Olaria.

O público que prefere aproveitar a folia nos tradicionais blocos de rua em outras partes da cidade também pode usar o BRT. No corredor Transoeste, chegando ao Terminal Jardim Oceânico, os passageiros podem pegar o metrô para brincar nos blocos da Zona Sul, Tijuca e Centro e assistir às escolas de samba, no Sambódromo. No outro extremo do corredor, os foliões chegam a Acadêmicos de Santa Cruz.

Confira as paradinhas do samba e programe-se. É só baixar esse PDF com o mapa e todas as informações.

Share in
your Networks: